pois...
22
Fev 09
publicado por Sebastião Marques Lopes, às 12:47link do post | comentar

 Não tenho escrito muito porque estive doente. Não fiz muitas coisas porque estive doente. Muitas vezes, estar doente implica não fazer nada. Fernando Alvim escreveu uma vez  "(...) não é qualquer um que pode dar-se ao luxo de não fazer nada. Fazer nada é não fazer nenhum (...)" Quando estive doente via televisão o dia todo e surpreendentemente não gostei. Vou ter mais cuidado. Deus é minha testemunha, vou ter mais cuidado.

 

 


Tens razão.Nã0 fazer nada é mesmo triste.Acho bem que não repitas ver televisão o dia todo
. Há bué de coisas mais interessantes para fazer

Certo?
olimpia a 27 de Fevereiro de 2009 às 13:07

mais sobre mim
blogs SAPO